HOMENAGEM AO “SENHOR TELEVISÃO” CT1NB

 In Uncategorized

HOMENAGEM AO “SENHOR TELEVISÃO” CT1NB

CT1NB – Roberto Charter’s d’Azevedo é Sócio Honorário da AMSAT-CT, título honorífico que lhe foi atribuído em vida, logo após a fundação da associação.

Apresentação do Vereador Gonçalo Lopes

Apresentação do Vereador Gonçalo Lopes

A Câmara Municipal de Leiria é seguramente a primeira autarquia em Portugal a promover a criação de um museu temático, dedicado, às coisas da tecnologia, escolhendo como assunto o mais moderno desafio da comunicação à distância que foi no século passado há pouco mais de 70 anos, a transmissão das imagens em movimento. É assim que teve início no dia 9 de Julho no MIMO – Museu da Imagem em Movimento de Leiria a exposição dedicada ao ” O Senhor Televisão, Roberto Charters d`Azevedo e as Imagens Electrónicas”.

Roberto Charter’s d’Azevedo é um nativo de Leiria que muito antes de existirem as primeiras emissões regulares de televisão em Portugal, iniciadas alguns anos depois pela RTP em 1957, antes desta o Roberto foi o primeiro português e radioamador a estudar e construir os equipamentos electrónicos que converteram imagens em sinais eléctricos de vídeo, susceptíveis de serem emitidos a longas distâncias pelas ondas electromagnéticas. Este espólio cultural é composto de uma vastíssimo acervo técnico de originais experimentações de rádio e televisão, que foram oferecidas pela família Charter’s d’ Azevedo ao Município de Leiria, ficando exposto neste museu até ao dia 11 de Setembro p.f..

Palestra de CT1KH

Momento da palestra de CT1KH Ricardo Charter’s d’ Azevedo

Roberto Charter’s d’ Azevedo formou-se em engenharia civil, mas foi desde muito novo, um entusiasta e um estudioso empenhado pelas coisas da física e matemática, da electrónica e da rádio. Demonstrando um invulgar talento pela engenharia pluridisciplinar, com uma diversificada capacidade pessoal de construir e converter, que lhe permitiram desenvolver múltiplos circuitos e aplicações da electrónica, com as quais, integrava e colocava em funcionamento os seus emissores, receptores e antenas de rádio, através delas, podia emitir diferentes serviços ou waveforms, que invariavelmente eram de telegrafia por código de Morse, de voz e também de imagem e televisão em movimento.

Ao seu lado, esteve sempre o filho Ricardo Charter’s d’ Azevedo, este sim formado em engenharia eletrotécnica por natural influência do pai , a quem o pai pedagogicamente encarregava em casa a missão do filho construir muitos dos circuitos e módulos que depois ambos integravam e colocavam em funcionamento nas suas experiência de rádio e televisão.

Oradores João Lázaro, CT1XI e CT1KH

Oradores João Lázaro, CT1XI e CT1KH

De relevar e elevar outras das particularidades humanas de Roberto Charter’s d’Azevedo – CT1NB como era conhecido entre os seus pares radioamadores de então, era daquele seu espírito altruísta, sempre disposto a ajudar e a ensinar, facto que marcou profundamente outras gerações de jovens radioamadores que ao tempo nos anos de 1950 e 1960 se iniciavam nessas coisas das ciências radioeléctricas através do radioamadorismo tecnológico, construindo quer emissores, quer receptores e antenas, que lhes permitissem naquela época ainda remota, explorar as radiocomunicações nas faixas de frequência acima dos 144 MHz por serem o maior desafio tecnológico de superação, e mais ainda em particular a banda de UHF numa frequência consignada ao serviço emissor dos postos de amador para as emissões em Televisão de Amador – TVA e na mesma banda, também as outras emissões em fonia, nos modos de telegrafia e modulação de amplitude.

Ao invés daquilo que hoje se propaga e muitas vezes injustamente, a DSR – Direcção dos Serviços Radioeléctricos dos CTT criada no pós guerra de 1947, sempre revelou um particular interesse pelo serviço de amador. Foi então consignada a frequência de 431.250 MHz para as emissões de TVA. Naquele tempo de escassez, era tremendamente difícil e dispendiosas a aquisição quer de componente electrónicos, quer a colocação em funcionamento de emissores em frequências tão elevadas, nada era como hoje, os circuitos e os equipamentos não se compravam, construíam-se peça a peça.

Aspecto da primeira camara de imagem de televisão, desenvolvida e construída por CT1NB

Aspecto da primeira camara de imagem de televisão, desenvolvida e construída por CT1NB

CT1NB e outros pioneiros da TVA em Portugal, conseguiam emitir em 431,250 MHz uma portadora modulada em amplitude com um sinal de vídeo, a portadora era gerada a partir de um cristal de quartzo de 2.662 kHz que através de uma extensa cadeia de andares multiplicadores de frequência, multiplicam por 162 vezes esse sinal de base, de molde a garantir alguma estabilidade na frequência de emissão na faixa de UHF com erros de alguns KHz apenas.

Foram algumas destas revelações que Ricardo Charter’s d’ Azevedo CT1KH exemplificou ao auditório presente na cerimónia de inauguração do MIMO – Museu da Imagem em Movimento, com esta exposição dedicada à Televisão em Portugal, nesta historicamente iniciada por CT1NB e depois radiodifundida pela RTP e as actuais cadeias de televisão pública e comercial. Acompanharam e complementaram estas narrativas João Lázaro e Mariano Gonçalves CT1XI contemporâneo de CT1NB e CT1KH a quem este e outros jovens de então, foram orientados e ajudados a alcançar quer em meios técnicos partilhados, quer em saber as competências que lhes permitiram também fazer a construção e colocação em funcionamento dos primeiros emissores de TVA a operar em Portugal nas décadas de 1950 a 1970 na frequência de 431.250 MHz, designadamente CT1IH, CT1ZX, CT1PG, CT1LR e CT1WV entre outros, que no período que antecede o pós 25 de Abril de 1974 quando ocorre o acesso livre aos mercados internacionais da industria da electrónica e do radioamadorismo comercial, período a partir da qual se vulgarizam e banalizam todos estes e outros modos de transmissão, que permitem hoje explorar as faixas de frequência acima de 1,2 GHz.

Meio século depois, o reencontro de antigos colegas e amigos, Manuel Bravo CT1LR, Ricardo Charter's CT1KH e Mariano Gonçalves CT1XI, foi também o rememorar de outras vivências e valores que se perderam, que nos marcam com gratidão e saudade.

Meio século depois, o reencontro de antigos colegas e amigos, Manuel Bravo CT1LR, Ricardo Charter’s CT1KH e Mariano Gonçalves CT1XI, foi também o rememorar de outras vivências e valores que se perderam, que nos marcam com gratidão e saudade.

Aspecto geral do emissor de televisão para 431.250 MHz

Aspecto geral do emissor de televisão para 431.250 MHz

Ricardo Charter’s d’ Azevedo (ex-CT1KH) acicatou a edilidade, revelando ao Vereador Gonçalo Lopes e às dezenas de convidados e público presentes, da importância para o município de Leiria que seja levado a investir em políticas de juventudes, tentando despertar junto das crianças e jovens em idade escolar o interesse pelas coisas da ciência e tecnologia, dando-se como exemplos diferentes ideias daquilo que através do Radioamadorismo Tecnológico se podem potenciar e hoje se executam com sucessos, sejam nas escolas, seja depois aqui no MIMO, acerca das temáticas ocupacionais e recreativas dirigidas à exploração espacial e à rádio e televisão ao vivo, empregando novas aplicações, novos equipamentos analógicos e digitais, informáticos e software’s, sendo que, todos estão agora ao alcance das novas gerações de técnicos e engenheiros do futuro. Conclui, dirigindo uma palavra de agradecimento à Câmara Municipal de Leiria.

Contacte-nos

AMSAT-CT

Not readable? Change text. captcha txt